Categorias
EMPRÉSTIMO

Empréstimo Pronampe: conheça a linha de crédito do governo e como solicitar

O empreendedorismo desempenha um papel importante no desenvolvimento econômico e social de um país, gerando empregos, promovendo inovação e impulsionando o crescimento. No Brasil, as micro e pequenas empresas (MPEs) têm um papel especialmente significativo nesse cenário, representando a grande maioria dos negócios em atividade.

Reconhecendo a importância dessas empresas e a necessidade de apoiá-las, durante a pandemia de Covid-19 foi criado o Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe).

O que é o Pronampe?

O Pronampe é um programa criado pelo Governo Federal com o objetivo de oferecer apoio financeiro às micro e pequenas empresas durante a pandemia da COVID-19 e também em momentos de crise econômica.

Lançado em 2020, o programa foi instituído pela Lei nº 13.999/2020 e tem como principal objetivo disponibilizar recursos para que as MPEs possam manter suas atividades e preservar os empregos em um contexto de adversidades econômicas.

Como Funciona o Pronampe?

O Pronampe funciona por meio da disponibilização de recursos financeiros por parte dos bancos públicos e privados que aderem ao programa. Esses recursos são destinados especificamente para empréstimos a micro e pequenas empresas, com condições diferenciadas e taxas de juros mais acessíveis do que as praticadas no mercado tradicional.

Uma das características mais marcantes do Pronampe é que os recursos são destinados exclusivamente para capital de giro, ou seja, para auxiliar as empresas a manterem suas operações e despesas correntes, como pagamento de salários, aluguel, contas de luz, entre outros, durante períodos de dificuldade financeira.

Quem pode solicitar o Pronampe?

Para acessar o Pronampe, as empresas precisam cumprir alguns requisitos estabelecidos pelo programa, tais como:

  • Ser classificada como microempresa (ME) ou empresa de pequeno porte (EPP), conforme definido na Lei Complementar nº 123/2006;
  • Ter faturamento bruto anual de até R$ 4,8 milhões, considerando a receita auferida no ano-calendário de 2019;
  • Estar em dia com as obrigações fiscais, tributárias e previdenciárias;
  • Não possuir irregularidades cadastrais junto à Receita Federal do Brasil.

Como solicitar o Pronampe?

  1. Conheça os Requisitos de Elegibilidade: Antes de iniciar o processo de solicitação do Pronampe, é essencial garantir que sua empresa atenda aos requisitos estabelecidos pelo programa. Isso inclui ser classificado como microempresa (ME) ou empresa de pequeno porte (EPP), ter faturamento bruto anual dentro do limite estabelecido pelo programa e estar em dia com suas obrigações fiscais, tributárias e previdenciárias.
  2. Escolha uma Instituição Financeira Participante: O Pronampe é operacionalizado por meio de bancos públicos e privados que aderiram ao programa. Portanto, o próximo passo é identificar uma instituição financeira participante do Pronampe, liberar o acesso a ela na plataforma Gov.br e, depois, entrar em contato solicitando mais informações sobre a linha de crédito e verificando a disponibilidade.
  3. Documentação Necessária: Documento de identificação do empresário ou representante legal da empresa, Comprovante de regularidade fiscal, Balanço patrimonial e demonstrativo de resultados dos últimos anos e a Declaração de faturamento, indicando o valor da receita bruta anual.
  4. Formalize a Solicitação de Crédito: Com a documentação em mãos, entre em contato com a instituição financeira para iniciar o processo de solicitação de crédito do Pronampe. Durante esse processo, você será orientado sobre os formulários a serem preenchidos e os procedimentos a serem seguidos.
  5. Aguarde a Análise e Aprovação do Crédito: Após a formalização da solicitação, a instituição financeira realizará uma análise de crédito para avaliar a viabilidade do financiamento. Essa análise levará em consideração diversos fatores, como a capacidade de pagamento da empresa e a garantia oferecida.
  6. Assine o Contrato de Empréstimo e Receba os Recursos: Caso a solicitação seja aprovada, você receberá um contrato de empréstimo para assinar. Após a assinatura do contrato, os recursos serão disponibilizados na conta da empresa para uso conforme as necessidades de capital de giro.