Categorias
FINANÇAS

CPF suspenso: o que significa e como resolver

O CPF (Cadastro de Pessoa Física) é um documento essencial para os brasileiros, utilizado em uma variedade de transações financeiras, desde abrir uma conta bancária até fazer compras online.

É possível que, em algum momento, você se depare com a desagradável situação de ter seu CPF suspenso, situação que pode trazer uma série de inconvenientes, como dificuldades para abrir contas bancárias, obter empréstimo, fazer compras a crédito, entre outros. Além disso, em casos extremos, a suspensão do CPF pode levar à inscrição do nome do indivíduo em cadastros de inadimplentes, como o SPC e Serasa.

Neste artigo você vai descobrir o que significa ter o CPF suspenso e como resolver essa questão. Ao tomar as medidas necessárias para regularizar sua situação junto à Receita Federal e outros órgãos, é possível restabelecer a funcionalidade do seu CPF e evitar possíveis consequências negativas.

Status do CPF

As regras estabelecem que o CPF poderá apresentar as seguintes situações:

  • regular (sem inconsistência cadastral e com a entrega da Declaração de Ajuste Anual do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física – DIRPF- em dia);
  • pendente de regularização (DIRPF obrigatória não foi entregue); suspenso (inconsistência cadastral);
  • cancelado (multiplicidade de inscrição);
  • titular falecido (após certidão de óbito);
  • nulo (fraude)

O que significa ter o CPF suspenso?

Quando o CPF é suspenso, isso indica que há alguma pendência junto à Receita Federal do Brasil. Essa pendência pode ser de várias naturezas, como:

  • Declaração de Imposto de Renda Atrasada: Se você não apresentou sua declaração de imposto de renda dentro do prazo estabelecido pela Receita Federal ou se houve inconsistências nos dados fornecidos, seu CPF pode ser suspenso até que a situação seja regularizada.
  • Cadastro Incompleto ou Incorreto: Se houver problemas com as informações registradas no cadastro, como nome errado, data de nascimento inconsistente ou outro tipo de divergência, isso pode levar à suspensão do CPF.
  • Dívidas Pendentes: Caso haja dívidas em aberto junto a órgãos como bancos, empresas de telefonia, ou mesmo dívidas com a Receita Federal, isso pode resultar na suspensão do CPF.

Como consultar o CPF?

A consulta para descobrir qual é a atual situação do seu CPF pode ser realizada por meio do site da Receita Federal

Como resolver a situação

Em casos em que o cadastro apareça “pendente de regularização” é possível identificar qual o ano que a declaração do Imposto de Renda deixou de ser entregue, por meio do portal e-CAC, com o uso de uma conta Govbr. Depois é possível entregar a declaração pelo e-CAC, ou pelo aplicativo Meu Imposto de Renda, por celular ou tablet.

Para casos em que conste a situação “suspenso”, é necessário fazer o pedido de regularização no site e agendar a entrega da documentação comprobatória da alteração na Receita Federal ou enviar os documentos pelo e-mail atendimentorfb.08@rfb.gov.br, após consultar o que é preciso apresentar.

Para correção de CPF incluido indevidamente na situação “titular falecido” ou “cancelado” é necessário agendar atendimento.